InPACTO completa 4 anos atuando pela prevenção e erradicação do trabalho escravo
28-05-2018

O mês de maio marca o aniversário do InPACTO e, ao completar quatro anos de atividades, o instituto comemora os avanços incontestáveis na mobilização das cadeias produtivas para o combate e a prevenção do trabalho escravo, especialmente no último ano. 

“Nos consolidamos como um importante agente de diálogo para as empresas enfrentarem o trabalho escravo com eficiência e estratégia. E estamos prontos para avançar ainda mais. Ampliamos nossa capilaridade, levamos nossa expertise para debates internacionais e estamos com projetos robustos nas cadeias têxtil e do café”, destaca Mércia Silva, diretora executiva do InPACTO.

Ao mudar a lógica do problema para a da solução, o instituto tem mobilizado diversos setores econômicos para a promoção do trabalho decente e livre de quaisquer violações dos direitos humanos em suas cadeias produtivas. Esse é o caso dos projetos Mesa de Café Brasil e Vozes da Moda: Agreste 2030.

Para os associados, o InPACTO é um espaço de aprendizado técnico, diálogo e construção de conhecimento. O Monitoramento dos Compromissos do Pacto Nacional pela Erradicação do Trabalho Escravo torna-se a cada ano uma importante ferramenta para as organizações associadas identificarem suas dificuldades e construírem ações para o controle e mitigação de riscos de suas cadeias produtivas.

“Erradicar o trabalho escravo das cadeias produtivas no Brasil é um desafio complexo. Mas aceitamos o desafio e entendemos que o diálogo e a construção coletiva de caminhos são as únicas formas de confrontar um problema tão profundamente arraigado. Ainda temos um longo caminho a trilhar e continuaremos trabalhando para isso”, afirma Mércia.