Associada InPACTO, Ipiranga inova com cartilha para incentivar boas práticas entre os fornecedores
08-11-2018

Comprometida com o aperfeiçoamento e evolução de suas práticas empresarias, a Ipiranga lançou recentemente a Cartilha Fornecedor Comprometido Ipiranga, que tem como missão orientar as empresas prestadoras de serviços na direção de boas práticas de sustentabilidade.

A publicação destaca o respeito ao trabalhador, ressaltando o conceito e os elementos que caracterizam o trabalho escravo, assim como as boas práticas em relação aos tópicos: regularidade na contratação dos empregados, jornada de trabalho, discriminação, liberdade de associação, saúde e segurança do trabalho e monitoramento da cadeia produtiva.

A cartilha faz parte do Programa Fornecedor Comprometido Ipiranga, um programa de gestão no qual são controlados o desempenho dos principais fornecedores e incentivadas boas práticas e condutas sustentáveis, éticas e transparentes. O Programa foi desenvolvido pelo Comitê de Sustentabilidade Ipiranga, formado em 2011 com o objetivo de reunir e suscitar as melhores práticas de sustentabilidade e composto por representantes de todas as Diretorias da empresa.

Signatária do Pacto Nacional pela Erradicação do Trabalho Escravo, por meio de sua associação ao InPACTO em 2014, a Ipiranga realiza treinamentos e workshops com equipes internas e representantes de sua cadeia de suprimentos para capacitar, engajar e reforçar o apoio ao desenvolvimento no tema. Além disso, a companhia conta o apoio da iniciativa, que está sempre disponível a apoiar seja com materiais de referência, palestras de engajamento e esclarecimentos, além de compartilhamento de boas práticas de outras organizações.

Os esforços com o tema começaram já em 2012, quando a Ipiranga assinou o Pacto Global da Organização das Nações Unidas, assumindo o compromisso de adotar, em suas práticas de negócios, valores fundamentais nas áreas de direitos humanos, relações de trabalho, meio ambiente e combate à corrupção. Além disso, reforçando seus compromissos, em 2016, a companhia assinou o Pacto Na Mão Certa, o qual tem o objetivo de combater a exploração sexual nas rodovias Brasileiras.